Páginas

pergunta:

"Até quando vamos ter que agüentar a apropriação da idéia de 'liberdade de imprensa', de 'liberdade de expressão', pelos proprietários da grande mídia mercantil – os Frias, os Marinhos, os Mesquitas, os Civitas -, que as definem como sua liberdade de dizer o que acham e de designar quem ocupa os espaços escritos, falados e vistos, para reproduzir o mesmo discurso, o pensamento único dos monopólios privados?"

Emir Sader

29.6.17

Bancários confirmam participação na greve geral de sexta-feira

RESISTÊNCIA

Bancários confirmam participação na greve geral de sexta-feira

"Contra o desmonte de todos os direitos dos trabalhadores, vamos participar desse dia de luta, paralisações e mobilizações", anunciou Ivone Silva, presidenta eleita da categoria em São Paulo
por Redação RBA publicado 27/06/2017 10h38, última modificação 28/06/2017 19h33
JUCA VARELLA/SPBANCÁRIOS
assembleia bancários

Na quadra dos bancários, representantes confirmaram adesão da categoria ao movimento

São Paulo – Bancários de São Paulo cruzarão os braços na próxima sexta-feira (30), aderindo à paralisação convocada pelas principais centrais sindicais e movimentos sociais contra as reformas do governo Temer. A categoria se reuniu nesta segunda (26) em assembleia na quadra do sindicato e decidiu por unanimidade paralisar as atividades.

"Contra o desmonte de todos os direitos dos trabalhadores, vamos participar desse dia de luta, paralisações e mobilizações, que é a greve geral", afirmou Ivone Silva presidenta eleita do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, que toma posse em 8 de julho.

Ivone destacou que a assembleia referendou consulta feita pela entidade nos locais de trabalho, em que 80% de 13.666 bancários ouvidos votaram optaram pela paralisação contra a retirada de direitos promovida pelo governo Temer.

A atual presidenta, Juvandia Moreira, classificou as propostas de reforma trabalhista e da Previdência como "contrarreformas que desmontam direitos" e destacou suas consequências para os trabalhadores.

"Uma acaba com a aposentadoria. A outra, acaba com a carteira de trabalho. Vai transformar todo trabalhador em alguém que faz bico", afirmou Juvandia, que destacou ainda que, com a proposta fragilização dos vínculos trabalhistas, o trabalhador vai poder se associar a várias empresas sem saber ao certo a sua carga de trabalho e a remuneração ao final do mês. Ela criticou também outra cláusula da reforma que pretende excluir das convenções coletivas os trabalhadores que ganham mais R$ 11 mil. 

Por sua vez, o presidente da Confederação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Roberto von der Osten, conclamou os bancários de todo o Brasil a cruzar os braços. "Se todos paralisarmos as atividades, construiremos uma grande greve."

A proposta de reforma trabalhista segue em tramitação no Senado. Após derrota na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) na semana passada, o projeto pode ser apreciado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira, última etapa antes de ser apreciado pelo conjunto dos senadores em plenário.

Já a reforma da Previdência está ainda em fase preliminar. O governo admite o desgaste com o atraso na votação e declarou que espera levar a proposta ao plenário em agosto, após o recesso parlamentar. Já os trabalhadores e movimentos pretendem resistir a esse calendário e barrar as mudanças pretendidas. 

Leia mais:

 

http://www.redebrasilatual.com.br/trabalho/2017/06/bancarios-confirmam-participacao-na-greve-geral-de-sexta-feira


Nenhum comentário:

Cancion con todos

Salgo a caminar
Por la cintura cosmica del sur
Piso en la region
Mas vegetal del viento y de la luz
Siento al caminar
Toda la piel de america en mi piel
Y anda en mi sangre un rio
Que libera en mi voz su caudal.

Sol de alto peru
Rostro bolivia estaño y soledad
Un verde brasil
Besa mi chile cobre y mineral
Subo desde el sur
Hacia la entraña america y total
Pura raiz de un grito
Destinado a crecer y a estallar.

Todas las voces todas
Todas las manos todas
Toda la sangre puede
Ser cancion en el viento
Canta conmigo canta
Hermano americano
Libera tu esperanza
Con un grito en la voz